HISTÓRIA DA ALIANÇA

Sete vezes campeã do carnaval de Joaçaba, a Aliança foi fundada em outubro de 1994, com as cores verde, branco e dourado. A sua origem vem de blocos carnavalescos dos bairros Flor da Serra e Cruzeiro do Sul, que se uniram para formar uma escola que pudesse competir em igualdade com a Vale Samba e a Unidos do Herval. Sua estréia na avenida foi em 1995, com um enredo em homenagem à artista plástica Jussara Duarte.

O primeiro campeonato foi conquistado em 1997, com o enredo “Na Ilha da Magia voando eu vi”. No ano seguinte, veio o bi-campeonato, com o tema “Preguiça e cansaço, o sono não é pecado”. Nos últimos anos, a escola se afirmou com o título de 2003 e o tri-campeonato obtido em 2005, 2006 e 2007.

Em 2009, com um desfile impecável, a Aliança conquistou o título do carnaval joaçabense, o sétimo de sua história, retomando a hegemonia que havia perdido em 2008, quando terminou na 3ª colocação. "Minha cultura, sua herança. Sou negro, sou Aliança!", dos carnavalescos Carlos Fett e Eleonor Heberle, trouxe à Passarela do Samba alegorias grandiosas e fantasias com muito brilho. O enredo campeão do carnaval 2009 fez uma viagem ao exuberante continente africano para explicar a contribuição do negro para a formação da cultura brasileira.

Ao longo de sua história, a Aliança conquistou muitos torcedores graças ao luxo e capricho de seus carros alegóricos e fantasias. Pela escola, já desfilaram grandes nomes do samba carioca, como Paulinho Mocidade e artistas famosos como Sheila Melo, Joana Balaguer, Luciano Szafir, o jogador de futsal Falcão, além de Humberto Martins e Danielle Souza, a Mulher-Samambaia.

Títulos
1997 – “Na Ilha da Magia, voando eu vi”
1998 – “Preguiça e cansaço: o sono não é pecado”
2003 – “Caá, Caiguá, Caá-y. Uma herança guarani”
2005 – “Olha pra mim”
2006 – “Gostosa como um abraço”
2007 – “Não é azul. É al zulayj. Moura pedra polida, verde, branca... multicolorida”
2009 - “Minha cultura, sua herança. Sou negro, sou Aliança!”
2010 - Paraíso Imaginado. Eldorado Cobiçado;